O forum oficial da galera do Boom head shot.Que as guerras futuras fiquem só nos games!


    Asura’s Wrath

    Compartilhe
    avatar
    IronRJ
    Nivel 6
    Nivel 6

    Masculino Mensagens : 329
    Pontos : 14966
    Reputação : 1
    Data de inscrição : 30/05/2010
    Idade : 38
    Localização : Rio de Janeiro

    Asura’s Wrath

    Mensagem  IronRJ em 20/4/2011, 8:52 am

    Um deus traído resolve acertar as contas com o resto do panteão. Não, não estamos falando de God of War, mas, do novo beat ‘em up da Capcom: Asura’s Wrath.
    O título foi anunciado oficialmente na E3 do ano passado, mas somente agora, durante a Captivate 2011, é que ele realmente chamou a atenção dos jogadores. Desenvolvido pela CyberConnect2 — a mesma por trás dos jogos da franquia Narultimate Ninja — o título mistura ficção científica e mitologia budista e hinduísta para entregar muita ação e pancadaria.
    Mas será que Asura’s Wrath é algo novo, ou trata-se apenas de uma mudança de cenário para a mesma dinâmica de God of War? O título ainda reserva vários segredos, no entanto, as primeiras imagens e vídeos devem agradar em cheio aos fãs do gênero.



    A fúria de Asura
    A trama de Asura’s Wrath busca inspiração na mitologia hindu. Na realidade o termo Asura se refere a toda uma “raça” de seres místicos. A palavra em si (Asura) significa “anti-deus” e são basicamente os antagonistas tanto nos mitos hinduístas como no panteão budista.
    Em Asura’s Wrath encarnamos apenas um Asura, que revoltado com a traição dos deuses resolve dizimar as divindades locais. A traição em questão não se resume apenas ao ostracismo cosmológico, aparentemente, além banir Asura do paraíso e destituí-lo de seus poderes, os deuses também sequestraram a filha do “rapaz”.
    Não é a toa que Asura está furioso. Na verdade, ele está tão enraivecido que é capaz de brotar quatro braços extras — para garantir que ninguém ficará sem um sopapo na cara.



    Gigantomachia
    Apesar de várias semelhanças o anti-herói prototípico deixa de lado a iconografia grega de God of War e aposta em uma atmosfera totalmente diferente. A paleta de cores e outras escolhas estéticas reforçam o estilo nipônico típico dos animes e mangás.



    Além disso, Asura’s Wrath também busca inspiração nos estilo ágil dos filmes e seriados de ação. Como vocês podem conferir até mesmo o trailer do jogo incorpora alguns elementos típicos desse gênero, como as chamadas "Last Time on Asura's Wrath" (algo como, no último episódio de Asura’s Wrath) e "To Be Continued" (Continua).
    Os tons saturados e movimentos de câmera enfatizam a ação; que não fica de lado nem mesmo durante as cenas de corte (cutscenes). Em Asura’s Wrath a jogabilidade aproveita alguns elementos já consagrados do gênero, como os famosos QTE (quick time events).
    Todavia, a dinâmica de jogo não se limita a socos e botões contextuais. Os desenvolvedores deixam claro que a ideia é criar algo fora do “típico”. Em vez de simplesmente enfileirar inimigos de tamanhos exponencialmente maiores, a equipe pretende criar uma dinâmica de jogo na qual a jogabilidade e a narrativa estejam integradas.
    Por enquanto tudo não passa de discurso, pois só conferimos alguns breves minutos de vídeo e nada de jogabilidade concreta. Mesmo assim, o pouco que vimos já foi suficiente para chamar a atenção.
    Em meio aos já esperados socos e pontapés, pudemos conferir os também familiares QTE e inesperados ataques à distância no estilo de rail shooters (a La Sin & Punishment). No entanto, o que realmente impressiona é o escopo da luta.
    O oponente que aparece no trailer tem proporções colossais, maior do que o planeta Terra. Na verdade, Asura sequer consegue segurar a ponta do dedo do oponente e segundo os desenvolvedores este é um dos inimigos mais fracos do jogo.
    Para encarar tais desafios você contará com uma variedade de poderes, todos oriundos da cólera de Asura. Além de uma infinidade de combos, o jogador também terá habilidades especiais advindas da fúria do deus caído — como sua capacidade de criar novos braços.
    Outro destaque de Asura’s Wrath é o seu visual, além da direção de arte estilizada, os visuais do título estão bem trabalhados, muito por conta da utilização da Unreal Engine 3. Isso mesmo, a nova produção da Capcom rodará a afamada engine gráfica da Epic Games.
    Não é comum ver jogos japonês rodando a UE3, mas, o motor entrega exatamente o que a CyberConnect2: framerate estável e grande quantidade de itens na tela. A apresentação do título no Captivate 2011 realmente chamou a atenção.
    O título deve aparecer na E3 2011 e agora terá a atenção merecida — quem sabe já em uma versão demonstrativa jogável. Asura’s Wrath ainda não tem data de lançamento, mas é esperado para o final de 2011 ou início de 2012, com edições para o Xbox 360 e PlayStation 3.

    Fonte Baixakijogos


    _________________




    Se você leu, comente!!! lol!

      Data/hora atual: 27/4/2018, 3:23 am